Translate

Pesquise no blog

27 de fev de 2013

A REVOLUÇÃO SILENCIOSA - Conspiração Universal


"Na superfície da Terra, exatamente agora, há guerra e violência e 
tudo parece feio, desconexo, morto e morno, triste...

No entanto, algo muito diferente e silencioso, calmo e oculto está acontecendo, pois certas pessoas estão sendo chamadas por uma LUZ MAIS ELEVADA. 

Uma revolução silenciosa está se instalando de dentro para fora, e de baixo para cima. É uma operação global. 

Uma CONSPIRAÇÃO UNIVERSAL. Há células dessa operação em cada nação do Planeta. Vocês não vão vê-las pela TV e nem ler sobre elas nos jornais. Nem ouvir suas palavras nos rádios.

Elas não buscam a glória. Não usam uniformes, tampouco. Chegam de diversas formas e tamanhos diferentes. Têm costumes e cores diferentes.

A maioria trabalha anonimamente. Silenciosamente trabalham fora de cena. Em cada cultura do mundo. Nas grandes e pequenas cidades, em suas montanhas e vales. Nas fazendas, vilas, tribos e até em remotas ilhas.

Você talvez cruze com essas pessoas nas ruas, e nem as perceba... Seguem disfarçadas. Ficam atrás da cena...

E não se importam com quem ganha os louros do resultado, e sim, que se realize o trabalho, que se conclua a obra.

De vez em quando elas se encontram pelas ruas. Trocam olhares de reconhecimento e seguem seus caminhos, nem sempre fáceis, mas sempre iluminados.

Durante o dia, muitas se disfarçam em seus empregos normais. Mas à noite, por detrás das aparências, o verdadeiro trabalho se inicia. Alguns as chamam de Exército da Consciência.

Lentamente estão construindo um mundo novo, novas nações, redes múltiplas de amor e solidariedade, estabelecidas sem fronteiras, sem moeda, sem comércio, mas plenas de outros valores, ricas de verdades verdadeiras,  límpidas, transparentes, singelas.

Com o poder de seus corações e mentes, seguem com alegria e paixão, inteligentemente, e armadas de compaixão e do mais puro discernimento.

Os comandos que as governam chegam da Inteligência Espiritual Central, plantada no Coração Maior de cada um.

Estão jogando bombas suaves de amor sem que ninguém note.

São poemas, abraços, músicas, fotos, filmes, palavras carinhosas, meditações e preces, danças e também ativismo social e ecológico participativos, sites e blogs, ou comunidades nas montanhas, em todos os continentes, além de ciências e tecnologias mágicas, tudo no meio de atos de bondade plantados aqui e acolá, por todos os lugares...

Logo serão vistas voando, silenciosamente, como Anjos de GAIA, acudindo o mundo, recolhendo os desabrigados, saciando a fome, curando as feridas, e encaminhando todos e cada um, para o futuro.

Expressam-se de uma forma única e pessoal, valendo-se de seus talentos e dons, para além dos eventuais diplomas, cargos e funções. São elas mesmas a mudança que querem ver no mundo. Essa é a força que move seus tão singelos, como também, heróicos corações.

Sabem que essa é a única forma de conseguir realizar a transformação. Sabem  que no silêncio e na humildade, têm o poder de todos os oceanos juntos.

O trabalho que realizam parece lento e meticuloso, como na formação das montanhas... mas é definitivo.

Sabem que o AMOR será a Religião do Século 21!!!

Sem pré-requisitos de grau de educação. Sem requisitar um conhecimento excepcional para sua compreensão, porque nasce da inteligência do coração, escondida pela eternidade no pulso evolucionário de toda criatura humana, da Terra ou de alhures, desse ou de outros mundos, espaços e dimensões.

Seja você também a mudança que quer ver acontecer no mundo. Ninguém pode fazer esse trabalho por você.

Elas, silenciosamente, estão recrutando mais e mais pessoas.

Eu fui recrutado. Ela também foi recrutada. Talvez você se junte a nós. Ou talvez já tenha se unido a nós.

Todos são bem-vindos.

A porta está aberta."

Autoria Desconhecida...



Angel Lux: Eu fui recrutada, e você ?

http://despertardegaia.blogspot.com/

...
Leia Mais ►

23 de fev de 2013

DA SERVIDÃO MODERNA


“Toda verdade passa por três estágios.
No primeiro, ela é ridicularizada.
No segundo, é rejeitada com violência.
No terceiro, é aceita como evidente por si própria.”

Schopenhauer


Desabilite a Playlist do Blog

Da servidão moderna é um livro e um documentário de 52 minutos produzidos de maneira completamente independente; o livro (e o DVD contido) é distribuído gratuitamente em certos lugares alternativos na França e na América latina. O texto foi escrito na Jamaica em outubro de 2007 e o documentário foi finalizado na Colômbia em maio de 2009. Ele existe nas versões francesa, inglesa e espanhola. O filme foi elaborado a partir de imagens desviadas, essencialmente oriundas de filmes de ficção e de documentários.

O objetivo principal deste filme é de por em dia a condição do escravo moderno dentro do sistema totalitário mercante e de evidenciar as formas de mistificação que ocultam esta condição subserviente. Ele foi feito com o único objetivo de atacar de frente a organização dominante do mundo.

No imenso campo de batalha da guerra civil mundial, a linguagem constitui uma de nossas armas. Trata-se de chamar as coisas por seus nomes e revelar a essência escondida destas realidades por meio da maneira como são chamadas.  A democracia liberal, por exemplo, é um mito já que a organização dominante do mundo não tem nada de democrático nem de liberal. Então, é urgente substituir o mito de democracia liberal por sua realidade concreta de sistema totalitário mercante e de expandir esta nova expressão como uma linha de pólvora pronta para incendiar as mentes revelando a natureza profunda da dominação presente.

Alguns esperarão encontrar aqui soluções ou respostas feitas, tipo um pequeno manual de “como fazer uma revolução?” Esse não é o propósito deste filme. Melhor dizendo, trata-se mais exatamente de uma crítica da sociedade que devemos combater.

Este filme é antes de tudo um instrumento militante cujo objetivo é fazer com que um número grande de pessoas se questionem e difundam a crítica por todos os lados e sobretudo onde ela não tem acesso.

Devemos construir juntos e por em prática as soluções e os elementos do programa. Não precisamos de um guru que venha explicar à nós como devemos agir: a liberdade de ação deve ser nossa característica principal. Aqueles que desejam permanecer escravos estão esperando o messias ou a obra que bastando seguir-la  ao pé da letra, libertam-se. Já vimos muitas destas obras ou destes homens em toda a história do século XX que se propuseram constituir a vanguarda revolucionária e conduzir o proletariado rumo a liberação de sua condição. Os resultados deste pesadelo falam por si mesmos.

Por outro lado, condenamos toda espécie de religião já que as mesmas são geradoras de ilusões e nos permite aceitar nossa sórdida condição de dominados e porque mentem ou perdem a razão sobre muitas coisas. Todavia, também condenamos todo astigmatismo de qualquer religião em particular. Os adeptos do complô sionista ou do perigo islamita são pobres mentes mistificadas que confundem a crítica radical com a raiva e o desdém. Apenas são capazes de produzir lama.

Se alguns dentre eles se dizem revolucionários é mais com referência às “revoluções nacionais” dos anos 1930-1940  que à verdadeira revolução liberadora a qual aspiramos. A busca de um bode expiatório em função de sua pertencia religiosa ou étnica é tão antiga quanto a civilização e não é mais que o produto das frustrações daqueles que procuram respostas rápidas e simples frente ao mal que nos esmaga. Não deve haver ambigüidade com respeito a natureza de nossa luta. Estamos de acordo com a emancipação da humanidade inteira, fora de toda discriminação. Todos por todos é a essência do programa revolucionário ao qual aderimos.

As referências que inspiraram esta obra e mais propriamente dita, minha vida, estão explicitas neste filme: Diógenes de Sinope, Etienne de La Boétie, Karl Marx e Guy Debord. Não as escondo e nem pretendo haver descoberto a pólvora. A mim, reconhecerão apenas o mérito de haver sabido utilizar estas referências para meu próprio  esclarecimento.

Quanto àqueles que dirão que esta obra não é suficientemente revolucionária, mas bastante radical ou melhor pessimista, lhes convido a propor sua própria visão do mundo no qual vivemos. Quanto mais numerosos em  divulgar estas idéias, mais rapidamente surgirá a possibilidade de uma mudança radical.

A crise econômica, social e política revelou o fracasso patente do sistema totalitário mercante. Uma brecha surgiu. Trata-se agora de penetrar mas de maneira estratégica. Porém, temos que agir rápido pois o poder, perfeitamente informado sobre o estado de radicalização das contestações, prepara um ataque preventivo sem precedentes.

A urgência dos tempos nos impõe a unidade em vez da divisão pois o quê nos une é mais profundo do quê o que nos separa. É muito fácil criticar o quê fazem as organizações, as pessoas ou os diferentes grupos, todos nós reclamamos uma revolução social. Mas na realidade, estas críticas são provenientes do imobilismo que tenta convencer-nos de que nada é possível.

Não devemos deixar que o inimigo nos vença, as antigas discussões de capela no campo revolucionário devem, com toda nossa ajuda, deixar lugar à unidade de ação. Deve-se duvidar de tudo, até mesmo da dúvida.

O texto e o filme são isentos de direitos autorais, podem ser recuperados, divulgados, e projetados sem nenhuma restrição. Inclusive são totalmente gratuitos, ou seja, não devem de nenhuma maneira ser comercializados. Pois seria incoerente propor uma crítica sobre a onipresença das mercadorias com outra mercadoria. A luta contra a propriedade privada, intelectual ou outra, é nosso golpe fatal contra a dominação presente.

Este filme é difundido fora de todo circuito legal ou comercial, ele depende da boa vontade daqueles que asseguram sua difusão da maneira mais ampla possível. Ele não é nossa propriedade, ele pertence àqueles que queiram apropriar-se para que seja jogado na fogueira de nossa luta.

Jean-François Brient e Victor León Fuentes
Fonte: http://www.delaservitudemoderne.org/

http://despertardegaia.blogspot.com/


...
...
Leia Mais ►

22 de fev de 2013

SISTEMAS DE CONTROLE


Somos controlados de variadas formas, pela mídia e pela religião...
Repare, não estou criticando a espiritualidade mas sim a religião...

Se você for espiritual e seguir o seu caminho, você é livre, você encontra Deus em qualquer lugar, inclusive dentro de si.

Mas se for religioso praticante você não é livre, você tem que seguir regras, tem que seguir um líder (padre, papa, pastor etc), você tem que ir á igreja, senão eles começam a criticar, você é controlado pelo medo, eles falam que o diabo está em toda a parte, qualquer coisa que você faz que vá de desacordo com a igreja é pecado, falam que somos pecadores devido aos atos de Adão e Eva, eles falam que já somos pecadores ao nascer, repare como nos colocam prá baixo fazendo-nos sentir culpados.

Para quê? Para nos sentirmos aliviados quando eles nos dão a “paz”, é isso, esse é o truque...

E quando as pessoas estão na igreja escutando o padre ou pastor, essa é uma atitude passiva, apenas escutam, não falam, não pensam, não argumentam, e por vezes repetem cânticos, que são sempre iguais anos a fio, é uma repetição, uma programação mental. 

As pessoas repetem de cor as orações, já é automático, nem têm consciência, é uma frase já programada no seu cérebro, você repete aquilo. E se você pensar de modo diferente, pois cada pessoa poderia interpretar a bíblia de modo diferente, o padre/pastor explica a interpretação dele como sendo a correta. 

Eu vi pessoas que me falavam que o padre/pastor é que sabe, ele é que sabe interpretar a bíblia, e mesmo que pensassem de modo diferente iriam acatar sempre a idéia dele, isso é uma atitude passiva, e assim querem que continue, o rebanho tem que ser submisso, ouvinte passivo, não pode ter ideias próprias, não pode pensar, porque assim deixa de ser controlável. 

E se deixa de ser controlável, a religião perde o efeito, e milhares de padres, pastores, bispos, até o papa deixariam de ter emprego, riquezas, as igrejas encerravam as portas, isso era um prejuízo de biliões de euros...

Igrejas encerrando, perdendo dinheiro dos fiéis, riquezas, etc.

Outra ilusão que nos fazem crer, 
As religiões querem a paz?
Será verdade?

Se houvesse paz no mundo, as pessoas seriam sempre felizes, não havia ninguém triste, procurando a paz interior dentro da igreja, novamente as igrejas encerrariam e os padres/pastores deixariam de ter emprego...

Os noticiários acabariam e os milhões de jornalistas perderiam o emprego...
Milhões de militares de todos os países, perderiam emprego...

Organizações internacionais, pela paz, encerrariam, levando mais milhões ao desemprego...

Essas pessoas todas, não querem a paz, entendeu?

Eles mentem quando nos falam que querem ver a paz no mundo, eles mentem.
Se não houvessem doenças, médicos perderiam emprego, farmácias e hospitais  fechariam...

Texto acima, fonte:

http://www.vivendonamatrix.com/

 Leia também, clique:

O QUE SIGNIFICA ESTAR DESPERTO?

E ASSISTA:



Alguns dos tópicos tratados no filme: Federal Reserve (sistema bancário central dos EUA), Grupo Bilderberg, Comissão Trilateral, Council on Foreign Relations (Conselho de Relações Internacionais), Nova Ordem Mundial, União Norte-Americana, Governo Mundial, Illuminati, Bohemian Grove, A verdade sobre 11 de setembro, dialética hegeliana, a 'guerra contra o terrorismo', instalação de microchips em humanos, controle mental, "mass media" (mídia massificadora) manipulação, adoutrinação do sistema educacional e mais...

Com participações de: Alex Jones, David Icke, Aaron Russo, Jordan Maxwell, Edward Griffin, Jim Marrs, Bill Hicks, George Carlin, John Taylor Gatto, Charlotte Iserbyt, Dave von Kleist, Stan Monteith e outros...

http://despertardegaia.blogspot.com/

...
Leia Mais ►

O ENGANO INCÔMODO DA CRENÇA



"Qualquer novo conhecimento provoca dissoluções e novas integrações"
(Hugo Hofmannsthal - Livro dos Amigos).


É engraçado como nós fomos condicionados a ser arrogantes e prepotentes sem a mínima consciência disso.

A "fé" cega está nos extremos: A religião doutrina os crentes e a ciência doutrina os céticos. Uma guerra sem acordo. 

"Considero a religião como um brinquedo infantil e acho que o único pecado é a ignorância" - (Christopher Marlowe).

O científico cético afirma que só pode acreditar naquilo que a "ciência" pode provar. O religioso, coitado, acredita naquilo que lhe convém de acordo com sua necessidade de acreditar em algo conveniente. Ambos, presas fáceis de quem as criou (religião e ciência).

 "A ciência serve para nos dar uma ideia de quão extensa é a nossa ignorância". - (Félicité Robert de Lamennais).

Está óbvio que nem um nem outro tem uma visão holística sobre tudo o que nos cerca. Tem gente que gosta de misturar tudo e "mistificar" os termos sem conhecê-los. Holismo vem de Holos em grego, que significa: "inteiro ou todo".

Por tanto, uma visão holística é uma visão que procura abranger o todo SEM excluir nada. Uma mente aberta não significa crer em tudo que vê ou ouve. Significa apenas estar aberto ao NOVO.

Ou seja, não descartar as possibilidades das quais "fogem" da nossa superficial compreensão "instantânea" das coisas. Isso te torna apto a aceitar novas possibilidades e romper crenças e padrões.

Resumindo: Isso te torna FLEXÍVEL!

Quando um religioso fervoroso se depara com alguma evidencia de algo diferente ao que crê, seus argumentos são baseados em sua fé, ou seja, naquilo que aprendeu de sua doutrina religiosa.

Já um científico cético ao se deparar com alguma evidencia que se "choca" com sua crença, muitas vezes, ele as "joga pra debaixo do tapete", simplesmente porque "aquilo" é inconveniente aos padrões da sua ciência ortodoxa.

Ou seja, não muda muito da religião. Em outras ocasiões, eles NEGAM fervorosamente, o que caracteriza como uma fuga.

Pra quem segue uma dessas "doutrinas" (religião ou ciência ortodoxa), romper um de seus padrões, se torna algo "DOLOROSO".

A ciência ortodoxa estabeleceu limites ao mundo "físico", e ponto final.

A religião estabeleceu que o que não pode ser explicado, só pode ser algo de "Deus". Quer dizer, eles se auto-limitam, dando a possibilidade deles próprios aprenderem com aquilo, transformando-o em algo inalcançável.

Podemos então perceber que de fato ambos possuem uma visão BLOQUEADA, limitada.

A ciência deveria agir de acordo com o que seu nome significa: "CONHECIMENTO", e para se adquirir conhecimento, não podemos criar barreiras que nos impeçam de conhecer algo novo.

A religião apenas deveria aceitar a ciência como um aliado, e assim poder ampliar o conhecimento e consequentemente romper suas barreiras.

INFORMAÇÃO É APENAS INFORMAÇÃO! 

O incessante mal-hábito de julgar, no qual fomos condicionados, nos leva a nossas "crenças e descrenças", ou seja, à nossa plena "AUTO-CONFUSÃO".

Negar o evidente, estando diante dele é negar sua própria natureza, de um SER ápto a CONHECER sem nenhuma imposição de limites.

Rompa suas barreiras e apenas permita-se OBSERVAR com mais atenção aquilo que "foge" à sua compreenção. Procure mais de uma resposta e não aceite qualquer uma também. Assim, você não estará negando sua natureza conhecedora e desvendadora.

Estamos REPLETOS de evidencias misturadas com "desinformação", o que gera uma grande confusão àqueles polarizados pelas religiões e/ou pela doutrina científica.

Se você se permitir pesquisar "os porquês" de tudo ser tão confuso, você chegará a um ponto em que não poderrá negar que esta confusão é proposital. Você perceberá que o sistema é confuso porque ele foi feito para ser confuso.

Porque, assim é fácil manipular opiniões polarizadas e estabelecer os limites das crenças. Assim é fácil tornar a maioria das pessoas DEPENDENTES de um sistema complexo e desagregador de crenças.

Se você é incapaz de entender o que estou dizendo, recomendo que comece logo a prestar mais atenção ao que você se propôs como crença. 

Se você se nega a tentar entender o que quero dizer, sinto muito. Permaneça então em seu mundo fechado e continue acreditando naquilo que lhe convém. Tapar o sol com a peneira só vai te manter no mesmo lugar.

Deixo esse vídeo como amostra de mais um conjunto de EVIDENCIAS incomodas aos que preferem simplesmente negar ou virar a cara.


"No Egito, as bibliotecas eram chamadas Tesouro dos remédios da alma. De fato é nelas que se cura a ignorância, a mais perigosa das enfermidades e a origem de todas as outras". - (Jacques Bossuet).

Fonte: http://rmorais76.blogspot.com.br


Imagens valem mais do que palavras:





















http://despertardegaia.blogspot.com/

...
Leia Mais ►

QUEREMOS QUE APAREÇAM

Quem quer que tenha traduzido esta mensagem para você não é relevante, e deve permanecer anônimo em sua mente. É o que você fará com esta mensagem que importa! Cada um de vocês deseja exercitar o seu livre-arbítrio e experimentar felicidade.

Estes são atributos que nos foram apresentados, e aos quais agora temos acesso. O uso do seu livre-arbítrio está relacionado ao conhecimento que vocês têm de seu próprio poder. Sua felicidade está relacionada ao amor que você dá e recebe.

Tal qual todas as raças conscientes neste estágio de evolução, vocês podem estar se sentindo isolados em seu planeta. Esta impressão os faz ter certeza de seu destino. No entanto, vocês estão à beira de grandes mudanças, das quais apenas uma minoria está a par.

Não é nossa responsabilidade modificar seu futuro, sem que vocês escolham isso. Considerem esta mensagem como um referendum mundial! E sua resposta, como um direito de voto! 

Quem somos nós? 

Nenhum de seus cientistas ou representantes religiosos são unânimes sobre os inexplicáveis eventos celestiais que a humanidade têm presenciado por milhares de anos.

Para saber a verdade, é preciso encará-la sem o filtro das crenças, por mais respeitáveis que elas sejam.

Um crescente número de seus pesquisadores anônimos estão explorando novos caminhos para o conhecimento, e chegando bem perto da realidade. Hoje, sua civilização está inundada com um oceano de informações, sendo que apenas uma pequena parte delas é, notadamente, difundida.

O que em sua história já pareceu um dia ridículo ou improvável, tem freqüentemente se tornado possível, real, particularmente nos últimos cinqüenta anos. Saibam que o futuro será mais surpreendente. Vocês irão descobrir o coisas muito piores do que conhecem, tanto quanto coisas muito melhores.

Tal qual bilhões de outros nesta Galáxia, nós somos criaturas conscientes, às quais alguns de vocês dão o nome de "extra-terrestres", ainda que esta realidade seja um pouco difícil de ser compreendida.

Não há diferenças fundamentais entre vocês e nós, salvo pela experiência de certos estágios de evolução. Tal como qualquer outra estrutura organizada, a hierarquia está presente em nossos relacionamentos internos. A nossa é baseada na sabedoria de diversas raças. É com a aprovação desta hierarquia que agora nos voltamos para vocês.

Como a maioria de vocês, nós estamos em busca do Ser Supremo. Portanto, não somos deuses ou menos deuses, mas virtualmente seus pares na Irmandade Cósmica.

Fisicamente, somos um pouco diferentes de vocês, mas a maioria de nós tem uma forma humanóide.

Nossa existência é uma realidade, mas a maioria de vocês ainda não a percebe. Não somos meros observadores, somos consciências como vocês. Vocês ainda não aprenderam sobre nós porque permanecemos, na maior parte do tempo, invisíveis aos seus sentidos e instrumentos de medida.

É nosso desejo preencher agora esse vazio em sua história. 
Nós estamos fazendo desta uma decisão coletiva, mas isso não é suficiente. Nós precisamos de sua decisão. Através desta mensagem, vocês se tornarão os tomadores da decisão! Vocês, pessoalmente.

Nós não temos um representante humano na Terra, que possa guiar sua decisão.

Por que não somos visíveis?

Em certos estágios de evolução, humanidades "cósmicas" descobriram novas formas de ciência, que os levaram além do aparente controle da matéria.

Desmaterialização e materialização estruturadas são parte delas. Isso é o que a sua humanidade tem alcançado em alguns laboratórios, em intensa colaboração com outras criaturas "extra-terrestres", ao custo de perigosos compromissos que permanecem, propositalmente, ocultos de vocês, por alguns de seus representantes.

Além de objetos aéreos ou espaciais ou fenômenos conhecidos por sua comunidade científica, conhecidos por vocês como OVNIs, existem, essencialmente, espaçonaves multidimensionais manufaturadas com estas habilidades.

Muitos seres humanos já tiveram contato visual, auditivo, tátil ou psíquico com tais naves, alguns dos quais são mantidos pelas forças ocultas que os "governam".

A escassez de suas observações se deve às impressionantes vantagens proporcionadas pelo estado desmaterializado destas naves.

Por não as testemunharem por si mesmos, vocês não podem crer em sua existência. Nós compreendemos isso totalmente.

A maioria destas observações é feita numa base individual, de modo a tocar a alma e não modificar qualquer sistema organizado. Isso é deliberado pelas raças que os circundam, por diversas razões e resultados.

Pelo fato de seres multidimensionais negativos terem um papel no exercício do poder sombrio da oligarquia humana, eles agem discretamente para manter sua existência, e sua aproveitadora condição, desconhecidas.

Para nós, a discrição é motivada pelo respeito ao livre-arbítrio que todas as pessoas podem exercer para gerenciar seus próprios assuntos, para que possam alcançar maturidade técnica e espiritual por si mesmos. A entrada da humanidade para a família das civilizações galácticas é ansiosamente aguardada.

Nós podemos aparecer na luz do dia e ajudá-los a criar esta união. Ainda não o fizemos, pois muito poucos de vocês genuinamente o desejaram, devido ao desconhecimento, indiferença ou medo, e porque a emergência da situação ainda não justifica tal ato.

Muitos daqueles que estudaram nossas aparições contam as luzes na noite sem iluminar o caminho. Frequentemente eles pensam em termos de objetos quando a coisa é mais sobre seres conscientes. 

Quem são vocês? 

Vocês são descendentes de muitas tradições que, ao longo do tempo, foram mutuamente enriquecidas por contribuições uns dos outros. O mesmo se aplica para as raças na superfície da Terra. Sua meta é se unir, no que diz respeito à essas raízes, para realizar um projeto comum.

A aparência de suas culturas parece lhes manter separados, porque vocês as incorporam profundamente em seus seres.

A forma é, agora, mais importante do que a essência de sua natureza sutil. Para os poderes instituídos, a prevalência desta forma constitui uma defesa poderosa contra qualquer tipo de ameaça.

Vocês estão sendo chamados a superar a forma, continuando a respeitá-la por sua riqueza e beleza. 

Compreendendo a consciência da forma, serão capazes de amar o ser humano em sua diversidade. A paz não significa deixar de fazer a guerra, ela consiste em que vocês se tornem o que são de fato: uma só Fraternidade.

Para compreender isso, o número de soluções ao seu alcance está diminuindo. Uma delas consistiria em contactar outra raça, que refletisse a imagem do que vocês são realmente.

Qual é a sua situação atual?

Exceto em raras ocasiões, nossas intervenções sempre tiveram muito pouca incidência em sua capacidade de tomar decisões, individual e coletivamente, sobre o seu próprio futuro. Isso é motivado pelo nosso conhecimento sobre seus mais profundos mecanismos psicológicos.

Nós chegamos à conclusão que a liberdade é construída a cada novo dia em que um ser se conscientiza de si mesmo e de seu ambiente, livrando-se progressivamente de suas limitações e inércias, quaisquer que sejam elas. A despeito das numerosas, corajosas e desejosas consciências humanas, estas inércias têm sido artificialmente sustentadas, visando apenas a manutenção e o benefício de um crescente poder centralizador.

Até recentemente, a humanidade viveu satisfatoriamente no controle de suas decisões. Mas está perdendo mais e mais o controle de sua própria fé devido ao uso de tecnologias avançadas, cujas consequências letais para o ecosistema terrestre e humano se tornarão irreversíveis. 

Vocês estão, lenta e certamente, perdendo sua capacidade de tornar a vida prazerosa. Sua habilidade de se recuperarem rapidamente de doenças ou de tristezas profundas será artificialmente reduzida, independente de sua vontade. Tais tecnologias existem, e afetam seu corpo e sua mente. Estes planos estão a pleno vapor.

Isso pode mudar, desde que vocês mantenham seu poder criativo, mesmo que ele co-habite com as intenções sombrias de seus potenciais lordes. É por essa razão que nos mantemos invisíveis. O poder individual será esvaziado até desaparecer completamente, caso não ocorra uma reação de grande magnitude. O período a seguir é o desta ruptura, qualquer que seja ele.

Mas será que vocês precisam aguardar até o momento final para encontrar soluções? Vocês devem se antecipar à dor ou sentí-la?

Sua história nunca cessa de ser marcada por encontros entre pessoas, que tiveram que se descobrir em condições frequentemente conflitantes. As conquistas de uns sempre ocorreram em detrimento das perdas de outros. A Terra agora se tornou uma vila, onde todos conhecem a todos, mas onde os conflitos persistem e ameaças de todos os tipos se tornam piores em duração e intensidade.

Apesar dos seres humanos terem muitas capacidades potenciais, eles não as podem exercê-las com dignidade. Esse é o caso para a imensa maioria de vocês, por razões essencialmente geopolíticas.

Existem muitos bilhões de vocês. A educação de suas crianças, e suas condições de vida, bem como as condições de inúmeros animais e plantas estão, não obstante, sob o polegar de um número reduzido de seus representantes políticos, financeiros, militares e religiosos.

Seus pensamentos e crenças são modelados a partir de interesses partidários, para torná-los escravos, enquanto, ao mesmo tempo, lhes dão a sensação de que vocês estão em total controle de seu destino, o que, essencialmente, é a realidade.

Mas há um longo caminho entre um desejo e um fato, quando as verdadeiras regras do jogo atual são desconhecidas. Nesse momento, vocês não são os conquistadores.

Informações distorcidas são uma estratégia milenar usada contra os seres humanos. Induzir pensamentos, emoções e organismos que não pertencem a vocês, por meios e tecnologias específicas, é uma estratégia ainda mais antiga.

Oportunidades maravilhosas de progresso andam de mãos dadas com grandes ameaças de submissão e destruição. Estes perigos e oportunidades existem agora. No entanto, vocês só podem perceber o que lhes é mostrado. O fim dos recursos naturais está programado, ao passo que nenhum projeto coletivo de preservação foi lançado.

A exaustão dos mecanismos ecossistêmicos ultrapassou limites irreversíveis. A escassez de recursos e sua distribuição injusta – recursos cujos custos irão aumentar numa base diária – irão trazer à tona fraticídios (homicídios em massa), direto ao centro de suas cidades e zonas rurais.

O ódio aumenta, mas também o amor. É isso que os mantém confiantes em sua habilidade de encontrar soluções. Mas a massa crítica é insuficiente e um trabalho de sabotagem está, inteligentemente, sendo executado.

Os comportamentos humanos, formados de hábitos e treinamentos passados, tem uma inércia tamanha que esta perspectiva os leva a um beco sem saída. Vocês confidenciam estes problemas aos seus representantes, cujas consciências de bem-estar coletivo lentamente desaparecem face aos interesses corporativos, com as conhecidas dificuldades. Eles estão eternamente debatendo a forma, mas raramente o conteúdo.

No exato momento da ação, atrasos se acumularão, ao ponto em que vocês terão que submeter-se, ao invés de escolher. Essa é a razão pela qual, mais do que nunca em sua história, suas decisões de hoje irão impactar direta e significantemente em sua sobrevivência, amanhã.

Que evento poderia radicalmente modificar essa inércia típica de qualquer civilização? De onde virá uma consciência coletiva e unificada, que irá interromper essa corrida cega nos dias à frente?

Tribos, populações e nações humanas sempre encontraram e interagiram umas com as outras. Face às ameaças sobre a família humana, talvez seja a hora de que uma maior interação ocorra. Uma grande onda de mudança está a ponto de emergir. Ela mistura aspectos muito positivos, mas também aspectos muito negativos.


Quem são os "terceiros"?

Há dois modos de estabelecer um contato cósmico com outra civilização: via seus representantes ou diretamente com os indivíduos, sem distinção. O primeiro modo gera conflitos de interesses, o segundo modo gera consciência.

O primeiro modo foi escolhido por um grupo de raças motivadas em manter a humanidade sob escravidão, através do controle dos recursos naturais Terrestres, da genética e da energia emocional humana.

O segundo modo foi escolhido por um gupo de raças aliadas à causa do Espírito de serviço. Em nossos objetivos, estamos aliados à esta causa desinteressadamente, e nos apresentamos a alguns representantes do poder, há alguns anos atrás, os quais se recusaram a apertar nossas mãos sob o pretexto de interesses não compatíveis com sua visão estratégica.

É por isso que hoje vocês devem tomar esta decisão individualmente, sem qualquer representante interferindo. O que propusemos no passado àqueles que acreditávamos estar em posição de contribuir com sua felicidade, nós propomos agora a... vocês!

A maioria de vocês ignora que criaturas não-humanas tomaram parte no exercício daqueles poderes centralizadores, sem nem mesmo passarem perto de seus sentidos. Isso é tão verdadeiro que eles quase tomaram o controle. 

Eles não permanecem, necessariamente, em seu plano material, o que os tornará extremamente eficientes e apavorantes no futuro próximo. 

No entanto, estejam cientes que um grande número de representantes estão lutando contra esse perigo!

Estejam cientes que nem todas as abduções são para o seu mal. É difícil reconhecer a verdade!

Como vocês poderiam, sob tais condições, exercitar seu livre arbítrio quando tantas coisas são manipuladas? Em quê vocês são realmente livres?

A Paz e a Reunificação de seus povos será um primeiro passo em direção à harmonia com outras civilizações, diferentes das suas. 

Isso é precisamente o que aqueles que os manipulam, dos bastidores, querem evitar a todo custo porque, mantendo-os separados, eles reinam!

Eles também reinam sobre aqueles que os governam! Sua força vem de sua capacidade de instigar desconfiança e medo em vocês. Isso prejudica consideravelmente sua natureza cósmica!

Esta mensagem não seria interessante se os planos desestabilizadores e assassinos desses manipuladores não tivesse atingido seu pico, e sua realidade se materializasse em alguns poucos anos a partir de agora. Seus prazos estão próximos e a humanidade irá se submeter a tormentas sem precedentes, pelos próximos dez ciclos.

Para se defenderem desta agressão sem rosto, ao menos vocês precisam ter informação suficiente que leve à solução.

Como também é o caso com humanos, a resistência existe entre aquelas raças dominantes. Aqui, de novo, a aparência não será suficiente para distingüir o inimigo do aliado. Em seu atual estado psíquico, é extremamente difícil para vocês distingüirem entre eles.

No momento certo, será necessário um treinamento, para que aprendam a usar a sua intuição.
Cientes do valor inestimável do livre arbítrio, nós os convidamos à uma alternativa.  

O que podemos oferecer?

Podemos lhes oferecer uma visão holística (completa) do universo e da vida, interações construtivas, a experiência de relacionamentos justos e fraternais, liberação de conhecimento técnico, erradicação do sofrimento, exercício controlado dos poderes individuais, acesso á novas formas de energia e, finalmente, uma melhor compreensão da consciência.

Nós não podemos lhes ajudar a superar seus medos individuais e coletivos, ou lhes dar novas leis que vocês não escolheram, trabalhar por vocês, individual e coletivamente, para construir o mundo que vocês desejam, o espírito para buscar os novos céus.

O que receberemos em troca?

Se decidirem que este contato ocorra, ficaremos muito felizes por podermos, em sua companhia, salvaguardar o equilíbrio fraterno desta região do universo, os intercâmbios diplomáticos frutíferos, e a intensa Alegria de de saber que vocês estão unidos na realização do que são capazes de fazer.

Este sentimento de Alegria é eternamente buscado no Universo, pois sua energia é divina.  

Qual a pergunta que desejamos lhes fazer? 

"VOCÊS QUEREM QUE APAREÇAMOS?" 


Como vocês podem responder à essa questão?  

A verdade da alma pode ser lida por telepatia. Vocês precisam apenas se perguntar a si mesmos esta pergunta, e dar a si mesmos a resposta, claramente, sozinhos ou em um grupo, como desejarem.

Estando no coração de uma cidade ou no meio do deserto não diminui a eficiência de sua resposta, SIM ou NÃO, IMEDIATAMENTE APÓS TEREM FEITO A SI MESMOS A PERGUNTA! 

Apenas façam isso como se estivessem pensando sozinhos, mas pensando sobre a mensagem.

Esta é uma pergunta universal e estas meras poucas palavras, postas em seu contexto, tem um significado poderoso. Vocês não devem deixar que a hesitação entre no caminho. É por isso que devem, calmamente, pensar a respeito dela, plenamente conscientes. A fim de associarem perfeitamente sua resposta à pergunta, é recomendável que respondam à ela antes de relerem essa mensagem outras vezes.

Não tenham pressa em responder. Respirem e deixem todo o poder de seu livre-arbítrio penetrar em vocês. Orgulhem-se do que são!

Os problemas que vocês têm os enfraquecem. Esqueçam-se deles por alguns poucos minutos para que possam ser vocês mesmos, plenamente. Sintam a força cuja nascente está dentro de vocês. Vocês estão em controle de si mesmos!

Um simples pensamento, uma simples resposta, pode drasticamente mudar seu futuro próximo, de um jeito ou de outro.

Sua decisão individual de solicitar ao seu Eu Superior que nós apareçamos em seu plano material, à luz do dia, é preciosa e essencial para todos nós.

Vocês têm a liberdade também de decidir como fazer isso, ainda que rituais sejam essencialmente desnecessários. Um pedido sincero, feito com seu coração e seu livre-arbítrio sempre será percebido por aqueles de nós a quem ele foi enviado.

Em sua câmara privada, de seu secreto desejo, você irá determinar o futuro.

O que significa o "efeito alavanca"? 

Esta decisão deve ser tomada pelo maior número de pessoas entre vocês, mesmo que possa parecer uma minoria. Recomendamos que esta mensagem seja divulgada de todas as maneiras possíveis, em todos os idiomas possíveis, a todos em torno de vocês, quer sejam ou não receptivos à essa nova visão de futuro.

Façam isso num tom alegre, bem humorado, decidindo se isso irá ajudá-los. Vocês podem mesmo fazer, aberta e publicamente, piadas sobre a mensagem, do modo que se sentirem mais confortáveis, mas não sejam indiferentes, pois, no mínimo, vocês terão exercitado seu livre arbítrio.

Deixem de lado os falsos profetas e as crenças que lhes transmitiram sobre nós. Esse pedido é um dos mais íntimos que podemos lhes fazer agora. Tomem a decisão por si mesmos, como indivíduos, por seu direito e por sua responsabilidade!

A passividade leva apenas à ausência de lilberdade. Do mesmo modo, a indecisão nunca é eficiente. Se você realmente deseja se prender às suas crenças, o que algo totalmente compreensível para nós, então diga NÃO.

Se você não sabe o que escolher, não diga SIM por mera curiosidade. Isso não é um show, isso é a vida real, NÓS ESTAMOS VIVOS! E vivendo!

Sua história está cheia de episódios de homens e mulheres determinados a influenciar a opinião pública, apesar de seu número reduzido.

Assim como um número pequeno é suficiente para tomar o poder temporário da Terra, e influenciar o futuro da maioria, um pequeno número de vocês pode radicalmente mudar seu destino em resposta à impotência, face a tanta inércia e obstáculos! Vocês podem facilitar o nascimento da humanidade à Irmandade.

Um de seus pensadores, certa vez disse: "Me dê uma alavanca, e eu levantarei a Terra".
Ao espalhar esta mensagem, da mesma forma estarão alavancando seu poder... nós seremos a alavanca do tamanho de alguns anos-luz... vocês serão os trabalhadores que erguerão a Terra, em seguida de nosso aparecimento.

Quais seriam as consequências positivas desta aparição?

Para nós, a consequência imediata de uma decisão favorável coletiva seria a materialização de muitas naves, em seu céu, e na Terra.

Para vocês, o efeito direto seria o abandono rápido de muitas certezas e crenças.

Um simples contato visual terá imensas repercussões em seu futuro. Muito conhecimento seria modificado para sempre. A organização de suas sociedades seria profundamente elevada para sempre, em todos os campos de atividade. O poder se tornaria individual pois vocês veriam, por seus próprios olhos, o que estamos vivendo.

Concretamente, vocês mudariam totalmente sua noção de valores! A coisa mais importante para nós é que a humanidade forme uma única família, à frente deste "desconhecido" que representamos!

O perigo irá lentamente desaparecer de suas casas porque vocês, indiretamente, forçariam os indesejáveis, aqueles que chamamos de "os terceiros", de se mostrarem e, depois, sumirem. Vocês todos terão o mesmo nome e compartilharão das mesmas raízes: humanidade! 

Mais tarde, pacíficos e respeitosos intercâmbios serão então possibilitados, se este for o seu desejo. Por agora, aqueles que têm fome não podem sorrir, aqueles que têm medo não nos podem dar as boas vindas. Ficamos tristes de ver homens, mulheres e crianças sofrendo a tal ponto, em seus corpos e corações, que mal podem sustentar uma luz interior.

Essa luz pode ser o seu futuro. Nossos relacionamentos podem ser progressivos.

Diversos estágios, durante muitos anos ou décadas, deverão ocorrer: aparência demonstrativa de nossas naves, aparências físicas além dos humanos, cooperação em sua evolução técnica e espiritual, descoberta de novas partes da galáxia.  

A todo momento, novas escolhas lhes serão oferecidas. Vocês poderão então decidir por si mesmos se irão atravessar novos estágios que creiam ser necessários para o seu bem estar externo e interno. Nenhuma interferência será decidida unilateralmente. Nós os deixaremos assim que vocês, coletivamente, assim o desejarem.  

Dependendo da velocidade com a qual a mensagem se espalhe pelo mundo, muitas semanas, ou mesmo meses serão necessários antes de nossa "grande aparição", se esta for a decisão tomada pela maioria daqueles que usaram sua capacidade para escolher, e se essa mensagem receber o suporte necessário. 

A principal diferença entre suas preces diárias à entidades de uma natureza espiritual estrita e sua decisão nesta contenda é extremamente simples: Nós estamos tecnicamente equipados para nos materializarmos!

Por que esse dilema histórico?

Nós sabemos que "estrangeiros" são considerados inimigos por incorporarem o "desconhecido". Num primeiro estágio, a emoção de nossa aparição irá causar um fortalecimento de seus relacionamentos, numa escala mundial.  

Como vocês saberão se nossa chegada é consequência de sua escolha coletiva ? Pelo simples fato de que, de outro modo, já estaríamos aqui por muito tempo, relativamente ao tempo de sua existência ! Se não estamos ainda, é porque vocês ainda não tomaram esta decisão explicitamente!

Alguns de vocês podem pensar que vamos fazê-los tomar essa decisão deliberadamente, para legitimar nossa chegada, mas isso não é verdade. Que interesse teríamos de, abertamente, lhes oferecer algo ao qual vocês ainda não tem acesso, pelo benefício da maioria de vocês?  

Como saberão se essa não é mais uma manobra dos "terceiros" para melhor escravizá-los ? Porque sempre é mais fácil lutar contra aquele que se mostra do que o contrário. Será que o terrorismo que os corrói não é um exemplo gritante? 

Seja como for, vocês são os únicos juízes de seu coração e alma! Qualquer que seja sua escolha, ela é respeitável e será respeitada! Na ausência de representantes humanos que possam potencialmente seduzí-los ao erro de que vocês não sabem nada sobre nós, bem como daqueles que os manipulam sem o seu consentimento.

Em sua situação, o princípio precavido que consiste em não tentar nos descobrir não mais irá perdurar. Vocês já estão na Caixa de Pandora que os "terceiros" criaram ao seu redor. Qualquer que seja sua decisão, vocês terão que sair dela.  

Face a tal dilema, uma ignorância frente à outra, você deverá perguntar à sua intuição. Você quer nos ver com seus próprios olhos, ou simplesmente acreditar no que seus pensadores dizem? Essa é a pergunta real!

Após milhares de anos, um dia, esta escolha seria inevitável: escolher entre dois desconhecidos. 

Por que espalhar a mensagem entre vocês?  

Traduzam e espalhem esta mensagem largamente. Esta ação irá afetar seu futuro de uma forma irreversível e histórica, na escalada dos próximos milênios. Do contrário, ela irá postergar uma nova oportunidade, daqui a muitos e muitos anos, de que uma nova geração possa escolher se irá sobreviver.  

Não escolher significa ir com a maioria. Não informar aos outros significa correr o risco de obter um resultado contrário à expectativa. Pemanecer indiferente significa abrir mão da liberdade de arbitrar sobre a questão, abrir mão do livre arbítrio.  

É sobre o seu futuro. É sobre sua evolução.  

É possível que este convite não receba sua aprovação coletiva, e que, por falta de informação, seja desprezado.

Não obstante, nenhum ser no universo deseja ser desprezado ou desconsiderado, por quem quer que seja.  

Imaginem nossa chegada amanhã. Milhares de naves. Um choque cultural único na história recente da humanidade.

Será então tarde demais para se arrepender por não ter tomado uma posição e espalhado a mensagem, pois esta descoberta será irreversível.

Nós insistimos que vocês não tenham pressa para decidir sobre isso, mas que o façam! E decidam! 

As grandes mídias não necessariamente se interessarão em espalhar essa mensagem. É, portanto, sua tarefa, como um anônimo e extraordinário ser pensante e amoroso, transmiti-la.

Vocês ainda são os arquitetos de seu próprio destino... 

VOCÊS QUEREM QUE APAREÇAMOS?

http://despertardegaia.blogspot.com.br/

 Leia também, clique: 

A Verdadeira História da Humanidade

...
Leia Mais ►

ALEX JONES entrevista DAVID ICKE - recente



Alex Jones entrevista David Icke 
sobre renúncia do Papa ligando a pedofilia e satanismo, reptilianos e Matrix

A entrevista começa com uma discussão sobre as recentes descobertas da ciência na qual alguns cientistas apontam para o fato do Universo poder ser uma gigantesca Matrix, uma espécie de super realidade criada por um super computador.  Leia mais aqui

Esta discussão encadeia-se seguida na existência dos Reptilianos o qual David Icke tem passado toda a sua carreira falando sobre eles, tendo sido altamente ridicularizado no início, a verdade é que muitos começam a prestar-lhe cada vez mais atenção...

Até o próprio Alex Jones admite falar do assunto e adiciona dados históricos que corroboram o assunto.

David Icke comenta sobre a recente notícia do papa em abdicar por razões de saúde. Icke afirma que Ratzinger está por trás do maior esquema em esconder os fatos relacionados com abuso de crianças e pedofilia, já desde o tempo do papa anterior  João Paulo II que não foi propriamente tão "inocente" como o mundo conheceu.

Icke também afirma que o escândalo de pedofilia que levantou a morte de Jimmy Savile. Leia mais aqui

É uma tentativa de esconder algo muito mais gigantesco que envolve a família real inglêsa e a administração Tatcher. Icke vai mais longe e afirma que terá mesmo havido necrofilia em rituais, isto é sexo com cadáveres. Savile estava tão próximo da família real, que segundo uma testemunha de Icke, a princesa Diana detestava-o. 

Alex Jones adianta que nas notícias ter-se-a descrito que Savile tinha as chaves de acesso aos palácios reais e que se gabava em público em dizer: "eu forneço-lhes [à família real] coisas!.

Icke continua a insistir que pedofilia e satanismo são o cimento que mantêm esta cabala no controle. Decerto que os mantêm animados na sua atividade criminosa de predadores da humanidade.

David Icke continua a insistir no fato de que muitos membros da elite não são totalmente humanos. 

Alex Jones refere-se ao fato de que Icke teria referido num dos seus livros que Al Gore transportava consigo vários contentores com sangue humano, que nem sequer eram do seu tipo sanguíneo. Jones teria dito na época que Icke era "louco" (fato ocorrido por volta dos anos 1995-1996).

ASSISTA A ENTREVISTA


Ative as legendas em Português
Desative a Playlist do blog






http://despertardegaia.blogspot.com/


...
Leia Mais ►

21 de fev de 2013

THRIVE - PROSPERAR POR UM MUNDO MELHOR

Thrive é um documentário convencional que levanta o véu sobre o que realmente está acontecendo em nosso mundo, seguindo o dinheiro a montante – a descoberta da consolidação global do poder em quase todos os aspectos de nossas vidas. 

Tecendo avanços na consciência, ciência e activismo, PROSPERAR oferece soluções reais, capacitando-nos com as estratégias inéditas e ousadas para a reclamação de nossas vidas e nosso futuro.


Nota do Blog Evoluindo Sempre:

O documentário “Thrive” – (Prosperar) explora quase todos os pontos dos quais fazemos co-relação dia a dia, como um dos motivos para a supressão do fenômeno OVNI, que está diretamente ligado à supressão do que se chama "Energia Livre" e seguindo o dinheiro, descobre-se um grupo de pessoas da elite e as empresas que estes detêm, o controle sobre a energia, alimentação, educação e cuidados de saúde.

Unindo os pontos, pode-se facilmente concluir que em qualquer lugar do mundo, aquele que controla o dinheiro controla todo o resto.

No caso dos EUA por exemplo:

"Antes de mais nada, o Federal Reserve é uma agência independente, não existe nada, nenhuma outra agência governamental que pode anular as decisões que tomamos". Alan Greenspan

O documentário explora a dinâmica de Torus: O Universo é uma fábrica de Torus, com Nassim falando das dinâmicas toroidais que são visíveis nas galáxias.


Explora também as pesquisas de Tesla e J.P.Morgan que cancelou suas pesquisas, queimou seu laboratório e provocou seu exílio, assim como relata outros inventores que pesquisavam sobre energia livre e foram ameaçados, com laboratórios destruídos ou material confiscado pelo governo, interrompendo seus projetos e alguns como Dr Eugene Mallove que foi espancando até a morte em 2004.

O exemplo do Dr. Royal Rife, que inventou nos anos 1920 o microscópio mais avançado na época e desenvolveu uma técnica chamada Ressonância Coordenada que podia destruir vírus e tumores cancerígenos que foram testados em pessoas com câncer terminal e curando-as em 3 meses. 

Pouco depois, seu laboratório foi incendiado e seus arquivos perdidos, para depois ser suspenso e arruinado por Morris Fishbein (chefe da área de imprensa da Associação Médica).

Se as famílias que fazem parte da Elite já são extremamente ricas, qual o objetivo final? - Dominação global.

Trechinho do documentário: 

...Depois de possuir todas as coisas materiais que puder na vida, o que mais te excitaria? Para muita gente, a resposta é poder. Poder Global. Eles se tornam a elite intelectual, começam a pensar que possuem um plano melhor do que o de qualquer pessoa, tem a ideia de que a liberdade é perigosa. Dizem: "quer saber, se você der liberdade para as pessoas, elas não irão usa-la sabiamente. Nós somos mais espertos do que eles, então para seus próprio bem, nós devemos governa-los... Eu me dei conta de que nós não somos o erro. Apenas estamos errados. Diminuimos nosso brilho, perdemos nossa força, ficamos ignorantes de nossa genealidade, sem saber do nosso real poder e magnificência". Foster Gamble 

Foster Gamble um dos herdeiros da Procter & Gamble é o produtor do documentário que tem uma visão otimista sobre o futuro da humanidade assim como David Icke e Alex Jones, chega a indicar no final do documentário soluções para que a humanidade possa caminhar no futuro por suas próprias pernas sem o controle escravagista imposto por um grupo pequeno de pessoas mas que as escolhas começam no hoje e que o conhecimento sobre a agenda, o plano é o que contribui para o despertar global.

Eu concordo que o conhecimento sobre todas as questões levantadas no documentário é o que realmente chacoalha o indivíduo para ver o mundo como ele realmente é: controlado e manipulado com objetivo que só beneficiam um grupo restrito de seres no planeta, mas as informações ainda são limitadas. 

Vejo o Novo Mundo se materializando com base nas diretrizes da Nova Ordem Mundial, pra mim, o futuro que Foster Gamble pinta no final do documentário é ilusoriamente utópica, porque enquanto a vidinha de cada ser pensante nesse planeta estiver focada apenas nas distrações por sobrevivência na matrix, as pessoas continuarão encenando o script que já foi escrito, não pela Elite Fantoche mas por seres que estão acima deles e comandam o verdadeiro jogo na 3ª e 4ª dimensão.

O planeta é uma fazenda e nós somos o gado, mas Só porque você não lembra outro meio de viver, não significa que ele não exista. 

No geral o documentário é incrível por conta das informações, as imagens e entrevistas, se desejar, reserve uma parte do seu tempo para assistir.



Entrevistas com: Duane Elgin, Nassim Haramein, Steven Greer, Jack Kasher, Daniel Sheehan, Adam Trombly, Brian O’Leary, Vandana Shiva, John Gatto, Deepak Chopra, David Icke, Catherine Austin Fitts, G. Edward Griffin, Bill Still, John Perkins, Paul Hawken, Aqeela Sherrills, Evon Peter, Angel Kyodo Williams, Elisabet Sahtouris, Amy Goodman, and Barbara Marx Hubbard.

Desabilite a Playlist do Blog

http://despertardegaia.blogspot.com/

...
Leia Mais ►

20 de fev de 2013

QUAL ADOECE PRIMEIRO: O CORPO OU A ALMA?



O Dr. Jorge Carvajal é médico cirurgião da Universidade de Andaluzia, Espanha (pioneiro da Medicina Bioenergética). - Fonte: www.sintergeticabrasil.com


Qual adoece primeiro: o corpo ou a alma?

A alma não pode adoecer, porque é o que há de perfeito em ti, a alma evolui, aprende. Na realidade, boa parte das enfermidades são exatamente o contrário: são a resistência do corpo emocional e mental à alma. Quando nossa personalidade resiste aos desígnios da alma, adoecemos.
A Saúde e as Emoções.

Há emoções prejudiciais à saúde ? Quais são as que mais nos prejudicam?

70% das enfermidades do ser humano vêm do campo da consciência emocional. As doenças muitas vezes procedem de emoções não processadas, não expressadas, reprimidas. O medo, que é a ausência de amor, é a grande enfermidade, o denominador comum de boa parte das enfermidades que temos hoje. Quando o temor se congela, afeta os rins, as glândulas suprarrenais,os ossos, a energia vital, e pode converter-se em pânico.

Então nos fazemos de fortes e descuidamos de nossa saúde?

De heróis os cemitérios estão cheios. Tens que cuidar de ti. Tens teus  limites, não vás além. Tens que reconhecer quais são os teus limites e superá-los, pois, se não os reconheceres, vais destruir teu corpo.

Como é que a raiva nos afeta?

A raiva é santa, é sagrada, é uma emoção positiva, porque te leva à autoafirmação, à busca do teu território, a defender o que é teu, o que é justo. Porém, quando a raiva se torna irritabilidade, agressividade,ressentimento, ódio, ela se volta contra ti e afeta o fígado, a digestão, o sistema imunológico.          

Então a alegria, ao contrário, nos ajuda a permanecer saudáveis?

A alegria é a mais bela das emoções, porque é a emoção da inocência, do coração e é a mais curativa de todas, porque não é contrária a nenhuma outra. Um pouquinho de tristeza com alegria escreve poemas. A alegria com medo leva-nos a contextualizar o medo e a não lhe darmos tanta importância.

A alegria acalma os ânimos?

Sim, a alegria suaviza todas as outras emoções, porque nos permite processá-las a partir da inocência. A alegria põe as outras emoções em contato com o coração e dá-lhes um sentido ascendente. Canaliza-as para que  cheguem ao mundo da mente.

E a tristeza?

A tristeza é um sentimento que pode te levar à depressão quando te deixas envolver por ela e não a expressas, porém ela também pode te ajudar. A tristeza te leva a contatares contigo mesmo e a restaurares o controle interno. Todas as emoções negativas têm seu próprio aspecto positivo.Tornamo-las negativas quando as reprimimos.

Convém aceitarmos essas emoções que consideramos negativas como parte de nós mesmos?

Como parte para transformá-las, ou seja, quando se aceitam, fluem, e já não se estancam e podem se transmutar. Temos de as canalizar para que cheguem à cabeça a partir do coração. Que difícil! Sim, é muito difícil. Realmente as emoções básica são o amor e o medo (que é ausência de amor), de modo que tudo que existe é amor, por excesso ou deficiência. Construtivo ou destrutivo. Porque também existe o amor que se aferra, o amor que superprotege, o amor tóxico, destrutivo.

Como prevenir a enfermidade?

Somos criadores, portanto creio que a melhor forma é criarmos saúde. E, se criarmos saúde, não teremos que prevenir nem combater a enfermidade, porque seremos saúde.

E se aparecer a doença?

Teremos, pois, de aceitá-la, porque somos humanos. Krishnamurti também adoeceu de um câncer de pâncreas e ele não era  alguém que levasse uma vida desregrada. Muita gente espiritualmente muito valiosa já adoeceu. Devemos explicar isso para aqueles que creem que adoecer é fracassar.

O fracasso e o êxito são dois mestres e nada mais. E, quando tu és o aprendiz, tens que aceitar e incorporar a lição da enfermidade em tua vida.. Cada vez mais as pessoas sofrem de ansiedade. A ansiedade é um sentimento de vazio, que às vezes se torna um oco no estômago, uma sensação de falta de ar. É um vazio existencial que surge quando buscamos fora em vez de buscarmos dentro.

Surge quando buscamos nos acontecimentos externos, quando buscamos muleta, apoios externos, quando não temos a solidez da busca interior. Se não aceitarmos a solidão e não nos tornarmos nossa própria companhia, sentiremos esse vazio e tentaremos preenchê-lo com coisas e posses. Porém, como não pode ser preenchido de coisas, cada vez mais o vazio aumenta.

Então, o que podemos fazer para nos libertarmos dessa angústia?

Não podemos fazer passar a angústia comendo chocolate ou com mais calorias,ou buscando um príncipe fora. Só passa a angústia quando entras em teu interior, te aceitas como és e te reconcilias contigo mesmo. A angústia vem de que não somos o que queremos ser, muito menos o que somos, de modo que ficamos no "deveria ser", e não somos nem uma coisa nem outra.

O stress é outro dos males de nossa época. O stress vem da competitividade, de que quero ser perfeito, quero ser melhor, quero ter uma aparência que não é minha, quero imitar. E realmente só podes competir  quando decides ser um competidor de ti mesmo, ou seja, quando queres ser único, original, autêntico e não uma fotocópia de ninguém.

O stress destrutivo prejudica o sistema imunológico. Porém, um bom stress é uma maravilha, porque te permite estar alerta e desperto nas crises e poder aproveitá-las como oportunidades para emergir a um novo nível de consciência.

O que nos recomendaria para nos sentirmos melhor com nós mesmos?

A solidão. Estar consigo mesmo todos os dias é maravilhoso. Passar 20 minutos consigo mesmo é o começo da meditação, é estender uma ponte para a verdadeira saúde, é aceder o altar interior, o ser interior.

Minha recomendação é que a gente ponha o relógio para despertar 20 minutos antes, para não tomar o tempo de nossas ocupações. Se dedicares, não o tempo que te sobra, mas esses primeiros minutos da manhã, quando estás rejuvenescido e descansado, para meditar, essa pausa vai te recarregar, porque na pausa habita o potencial da alma.

O que é para você a felicidade?

É a essência da vida. É o próprio sentido da vida. Estamos aqui para sermos felizes, não para outra coisa. Porém, felicidade não é prazer, é integridade. Quando todos os sentidos se consagram ao ser, podemos ser felizes. Somos felizes quando cremos em nós mesmos, quando confiamos em nós, quando nos empenhamos transpessoalmente a um nível que transcende o pequeno eu ou o pequeno ego.

Somos felizes quando temos um sentido que vai mais além da vida cotidiana, quando não adiamos a vida, quando não nos alienamos de nós mesmos, quando estamos em paz e a salvo com a vida e com nossa consciência. Viver o Presente.

É importante viver no presente? Como conseguir?

Deixamos ir-se o passado e não hipotecamos a vida às expectativas do futuro quando nos ancoramos no ser e não no ter, ou a algo ou alguém fora. Eu digo que a felicidade tem a ver com a realização, e esta com a capacidade de habitarmos a realidade. E viver em realidade é sairmos do mundo da confusão.

Na sua opinião, estamos tão confusos assim?

Temos três ilusões enormes que nos confundem:

Primeiro cremos que somos um corpo e não uma alma, quando o corpo é o instrumento da vida e se acaba com a morte.

Segundo cremos que o sentido da vida é o prazer, porém com mais prazer não há mais felicidade, senão mais dependência.. Prazer e felicidade não são o mesmo. Há que se consagrar o prazer à vida e não a vida ao prazer.

Terceiro ilusão é o poder; desejamos o poder infinito de viver no mundo.

E do que realmente necessitamos para viver? Será de amor, por acaso?

O amor, tão trazido e tão levado, e tão caluniado, é uma força renovadora. O amor é magnífico porque cria coesão. No amor tudo está vivo, como um rio que se renova a si mesmo. No amor a gente sempre pode renovar-se, porque ordena tudo. No amor não há usurpação, não há transferência, não há medo, não há ressentimento, porque quando tu te ordenas, porque vives o amor, cada coisa ocupa o seu lugar, e então se restaura a harmonia. Agora, pela perspectiva humana, nós o assimilamos com a fraqueza, porém o amor não é fraco.

Enfraquece-nos quando entendemos que alguém a quem amamos não nos ama. Há uma grande confusão na nossa cultura. Cremos que sofremos por amor, porém não é por amor, é por paixão, que é uma variação do apego. O que habitualmente chamamos de amor é uma droga.

Tal qual se depende da cocaína, da maconha ou da morfina, também se depende da paixão. É uma muleta para apoiar-se, em vez de levar alguém no meu coração para libertá-lo e libertar-me. O verdadeiro amor tem uma essência fundamental que é a liberdade, e sempre conduz à liberdade. Mas às vezes nos sentimos atados a um amor.

Se o amor conduz à dependência é Eros. Eros é um fósforo, e quando o acendes ele se consome rapidamente em dois minutos e já te queima o dedo.Há amores que são assim, pura chispa. Embora essa chispa possa servir para acender a lenha do verdadeiro amor. Quando a lenha está acesa, produz fogo. Esse é o amor impessoal, que produz luz e calor.

Pode nos dar algum conselho para alcançarmos o amor verdadeiro?

Somente a verdade. Confia na verdade; não tens que ser como a princesa dos sonhos do outro, não tens que ser nem mais nem menos do que és. Tens um direito sagrado, que é o direito de errar; tens outro, que é o direito de perdoar, porque o erro é teu mestre.

Ama-te, sê sincero contigo mesmo e leva-te em consideração. Se tu não te queres, não vais encontrar ninguém que possa te querer. Amor produz amor. Se te amas, vais encontrar amor. Se não, vazio. Porém nunca busques migalhas, isso é indigno de ti. A chave então é amar-se a si mesmo. E ao próximo como a ti mesmo.

Se não te amas a ti, não amas a Deus, nem a teu filho, porque estás apenas te apegando, estás condicionando o outro. Aceita-te como és; não podemos transformar o que não aceitamos, e a vida é uma corrente permanente de transformações.

http://despertardegaia.blogspot.com/

...

Leia Mais ►
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

♥ Postagens Recentes

Postagem em destaque

OS REPTILIANOS NO PLANETA TERRA - parte 1 (David Icke)

Segue abaixo o Capítulo 2 do livro "The Biggest Secret", de David Icke. Capítulo 2: “Não mencione os répteis” Você...

♥ Postagens Populares

Comentários Recentes


X Files - Maravilhoso e Atemporal - Assista, clique:

Alienígenas do Passado - Todas Temporadas Assista, clique: